” Violência no Namoro” o lema do Primeiro Parlamento Infantil Juvenil da CPLP em São Tomé e Príncipe.

0
Tempo de Leituta: 3 minutos

Decore em São Tomé e Príncipe entre os dias 21 a 22 de Novembro deste 2019 o primeiro parlamento infantil Juvenil sob o lema ”  Violência no Namoro” e outras temáticas como apresentação do relatório dos últimos encontros a discussão e a aprovação do “Regimento do Parlamento Juvenil da CPLP“.

A Cerimónia de abertura teve o seu início por volta das 8:30 minutos na Assembleia Nacional de São Tomé e Príncipe presidido por uma mesa provisória composta por 4 elementos e presenciado pelo Ministro da Juventude Desporto e Empreendedorismo que também exerce a função do Presidente da Conferência dos Ministros da Juventude e Desporto da CPLP “Vincio Pina“, Presidente do Fórum da Juventude da CPLP “Marcus Barão“, Secretária-geral Adjunta da Conferência dos Ministros da Juventude e Desporto da CPLP “Sofia Paixão“,  Secretário Executivo de Conselho Nacional da Juventude do Brasil “Rafael Devi Campo“, Directora interina dos Institutos Nacionais da Juventude de STP “Esperança Viana” representante da UNICEF, Deputados da Assembleia Nacional de STP, os Deputados do Parlamento  Infantil Juvenil da CPLP e outros corpos diplomáticos nacionais e estrangeiros.

O Ministro da juventude, Desporto e Empreendedorismo “Vinicio Pina” na sua intervenção defendeu a importância deste parlamento em prol do bem-estar social e cultural para a juventude numa altura em que a CPLP abriu a suas portas para juventude, sendo o primeiro parlamento infantil Juvenil a ser realizado em São Tomé e Príncipe e em meu nome e do Governo agradeço a todos os nossos parceiros e as instituições que de igual modo deram a suas contribuições de forma directa ou indirecta para realização deste evento, principalmente a UNICEF e a CPLP, os meus cordiais cumprimentos.

Indo mas distância na sua intervenção o “Vinício Pina” assegurou como um dos mais altos representantes do Governo nesta tarefa, tudo irá fazer para a implementação da polícia nacional para a juventude em STP e propagar junto a UNICEF para que a “Convenção do Direitos das Crianças”, possa ser implementada com devido rigor e cumprimento dos seus objectivos.

Por outro lado Secretário-geral Adjunta da Conferência dos Ministros da CPLP “Sónia Paixão” na sua linha do pensamento fez um discurso permissor da importância deste evento no empoderamento dos jovens com o devido slogan “Vocês não são futuro, mas sim são os presentes e agora” é a CPLP tudo fará em prol desta juventude, e que na próxima conferência dos Ministros que será em Timor Leste a juventude estará no centro das nossas atenções.

Neste acto cada delegação fez-se presente por 3 representantes nomeadamente, Brasil, Timor leste, Cabo Verde, Moçambique, Angola, Portugal, São Tomé e Príncipe como anfitriã e outro delegações que não fizeram presente como no caso da Guiné Bissau e Guiné Equatorial.

O representante da delegação Angolana “Neuro Pereira” em pouca palavras enfatizou a importância deste I Parlamento infantil Juvenil, dizendo, esperamos que as recomendações saída deste evento pensam servir como uma das estratégias para a implementação da política infantil Juvenil em determinados países cá presente.

Enquanto que o líder da delegação Brasileira “Lucas Brito” vê esta cerimónia como uma oportunidade de intercâmbio infantil e Juvenil no seio da CPLP e a porta da oportunidade para as futuras gerações no seio da língua portuguesa como sendo a décima língua mais falada no mundo, em circunstancia que a violência no namoro é uma das práticas notável no contexto visual e físico da CPLP.

Como não podia ficar indiferente a representação  São-Tomense que também fez-se presente neste encontro diz que “é com enorme satisfação de acolhemos este evento e sendo o primeiro estamos de parabéns, e que tudo devemos fazer para estancar a violência no namoro em STP sendo uns dos problemas de muita relevância no seio da CPLP, temos que trabalhar forte e duramente para obtemos as soluções para o tal.

“Marcus Barão” Presidente do Fórum da Juventude da CPLP, aproveitou este momento único para descrever a suas trajectórias e partilhar a sua experiência ao longa da jornada como o actual líder da juventude na CPLP.

A cerimonia terminou com a formação da mesa permanente da Assembleia do parlamento infantil juvenil formado por 4 deputados dos diferentes países membros da CPLP presentes no acto numa única lista submetida para a candidatura.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More