República Popular da China Comemora Mais Um Aniversário da Sua Fundação a 70 Anos

0
Tempo de Leituta: 2 minutos

No dia 25 de Setembro, a República Popular da China comemorou 70 anos de sua fundação, pelas mãos da revolução comunista que aconteceu no ano de 1949, dando origem à verdadeira República Popular da China.

No entanto, uma cerimonia decorreu na Baía da Praia Lagarto, em São Tomé, que encheu de palavras e cores manifestando os 70 anos do país que conquistou o mundo e venceu a pobreza.

A República Democrática de São Tomé e Príncipe, desde tempos até agora manifesta-se como aliado fiel da República Popular da China, na defesa do multipartidarismo e da paz mundial.

De acordo com o primeiro ministro, Jorge Bom Jesus, ” São Tomé e Príncipe e a República Popular da China estão movidos por uma vontade inabalável em reforçar os históricos de cooperação fraterna na base do respeito mútuo, do dialogo solidário internacional e do multilateralismo “.

O diplomata chinês Wang Wei, garantiu que o unilateralismo e as políticas protecionistas ameaçam a estabilidade e o desenvolvimento do mundo.

Se isso acontecer, a China continuará defendendo o processo de paz, desenvolvimento ou qualquer forma de hegemonia e políticas de poder.

Contudo, o diplomata manifestou seguro de que o renascimento do unilateralismo não impede o progresso do desenvolvimento da China.

Por outro lado, o embaixador Wang Wei, a China era um dos países mais pobres do continente Asiático, mas com o tempo se tornou o responsável por mais de 30% da economia mundial.

Em 1952, o PIB per capita não atingia os 70 dólares, uma reserva de divisas que era de 108 milhões de dólares norte-americanos e 70 anos depois, a China abriu-se ao desenvolvimento e transformou na segunda maior economia mundial.

Portanto, a segunda maior economia mundial foi registada em 2018 com um crescimento do PIB per capita de 9,776.375 mil milhões de dólares e uma reserva de divisas que ultrapassava os 3,7 triliões de dólares e passou a ser o maior do mundo nos anos seguidos.

O governo São-Tomense acrescentou que trata de um parceiro privilegiado e que está presente em todos os sectores sociais do arquipélago.

Em suma enfatizou o bom trabalho da República Popular da China, que tem feito com particular incidência específica no domínio da luta contra o paludismo.

Os Presidentes dos Tribunais Judiciais e Constitucionais estiveram presentes na cerimonia de festa da República Popular da China que marcou os 70 anos da sua fundação.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More