Entrevista com o Professor de Xadrez Aleksander Santos acerca das Dificuldades e Melhorias

0
Tempo de Leituta: 2 minutos

No inicio da entrevista com o professor de xadrez, o mesmo disse que “o xadres é a arte do saber e diz que é aquele miúdo que não é muito chegado ao futebol e basquetebol mas quando começou a jogar xadres foi amor a 1ª vista”.

Vê o xadrez como um solo de consolo, pois ajuda a desenvolver habilidades mentais e não só.

Actualmente os jovens preocupam-se muito com a estrutura física e esquecem de preocupar-se com a mente, com dizia os filósofos “mente sã corpo sã” acrescentou o professor.

Entrevista com o Professor de Xadrez Aleksander Santos acerca das Dificuldades e Melhorias
Aleksander Santos Professor de Xadres

Portanto, não adianta preocupar muito com a estrutura física porque se a mente não estiver boa nada valerá a pena.

Então a importância do xadres para a sociedade é ter “swag” mental e não físico. Infelizmente o xadres é visto como jogo dos ricos e uma ideia que o professor deixou transparecer é que “xadres seja bem visto em todo o local do país”.

O xadrez foi como um salva-vidas para um grupos de jovens que viviam na marginalidade e mostrou-lhes que nada é impossível disse o professor Aleksander Santos.

No decorrer da entrevista com o professor de Xadrez, acrescentou para dizer que “esse desporto que faz as pessoas pensarem de forma mais clara”.

Contudo, durante o seu percurso a dificuldade que teve foi a causa do preconceito á volta do xadres, e acrescenta que o xadrez auxilia na matemática, na pedagogia dos alunos e na mente.

Em algumas escolas dos países internacionais a disciplina de xadres é obrigatoriamente que seja dada. Já em São Tomé e Príncipe algumas escolas privadas foram as pioneiras desta disciplina nas escolas como o colégio São-Tomense, a escola Bambino e a escola Portuguesa.

O xadrez é um jogo de família, para universitários e para a sociedade. A solução para São Tomé e Príncipe é o xadrez como também algumas formações e não só pois o importante para uma sociedade é a capacitação do aprendizado acrescentou o professor.

A melhoria que teve neste percurso todo foi a realização de um intercâmbio entre os jovens jogadores de diversas escolas.

O objectivo maior é levar o xadrez para a unificação do país, pois no xadrez ninguém fica sem jogar porque é um jogo de dois.

No torneio realizado no Palácio dos Congressos, STP saiu vencedora e conseguiram representar bem o país, este foi um dos momentos gratificantes para o país.

Em suma o professor aproveita para convidar os jovens a participarem no xadrez pois estimula a sanidade mental, ajuda com a amnésia, com a preguiça mental entre outros.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More