A Participação dos Estudantes São-Tomenses nas Olimpíadas de Matemática em STP e nos Restantes Países da Lusofonia

0
Tempo de Leituta: 2 minutos

Olimpíadas de Matemática em STP são sequências de provas que envolve apenas resoluções de problemas matemáticos que outrora os participantes eram apenas alunos que frequentavam escolas de nível primário e secundário.

Segundo as regras, os alunos que fazem mais pontos serão premiados com medalhas, e em alguns casos pequenas quantias de dinheiro como estimulo. O que mais importa nestas olimpíadas é o prazer de superação e a confraternização entre os colegas de diversas escolas.

A Olimpíada Internacional de Matemática foi realizada pela primeira vez em 1959 na Roménia e a partir dessa altura foi anualmente organizado por diversos países.

No caso de Olimpíadas Internacionais, o intercâmbio é ainda mais interessante e combinado com viagens pagas pelos organizadores. Elas têm como objectivo:

  • Descobrir e estimular talentos para o estudo da Matemática;
  • Contribuir na melhoria do ensino da Matemática em todos os níveis;
  • Aumentar a integração entre as universidades e as escolas;
  • Favorecer o aumento das relações entre alunos e professores, em escala nacional e internacional.

 

Competições desportivas na Comunidade de Países da Língua Portuguesa surgiram com o objectivo de unir os Estados membros da CPLP através da matemática, incentivar o gosto pela disciplina e o desenvolvimento dos alunos e aprofundar a cooperação ainda mais nesta área.

Foi organizada pela primeira vez em 2011 em Coimbra pela Sociedade Portuguesa de Matemática, e pelo Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra.

Olimpíadas de Matemática em STP é uma competição de matemática que ocorre anualmente e é destinada aos alunos do ensino médio dos oito países de expressão português como Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, cujo os objectivos são:

  • A criação de uma oportunidade para a troca de experiências educacionais na lusofonia;
  • Fomentar o estudo da Matemática nos países lusófonos;
  • A melhoria da qualidade do ensino e a descoberta de talentos em matemática, fundamental para o desenvolvimento científico e tecnológico;

Olimpíadas de Matemática em STP nos Países da Lusofonia

São Tomé e Príncipe esteve presente na 2ª Edição das Olimpíadas de Matemática da CPLP (Comunidade de Países da Língua Portuguesa), em que obteve o terceiro lugar com três medalhas de bronze, sendo o Brasil no primeiro lugar e Portugal no segundo lugar.

Evento este que realizou-se entre os dias 20 e 28 de Julho de 2012, na cidade de Salvador Brasil. Onde estiveram também presentes Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e Timor Leste, com a ausência da Guiné Bissau.

A deslocação e estadia dos estudantes e professores tiveram o alto patrocínio do Governo, através do Ministério da Educação, Cultura e Formação e do Banco Internacional de São Tomé e Príncipe (BISTP).

A V edição da competição, em 2015, foi realizada na cidade de praia e contou com estudantes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe, na VII edição os estudantes São-Tomenses alcançaram 3 medalhas bronze nas olimpíadas de matemática e a VIII edição da comunidade dos Países da Língua portuguesa decorreram entre os dias 2 e 8 de Setembro de 2018 na cidade de São Tomé.

A cerimónia de abertura das Olimpíadas de Matemática da CPLP teve seu início as 10:00 do dia 3 de Setembro, no Instituto Politécnico de São Tomé e Príncipe, porém a cerimónia de encerramento decorreu no dia 8 de Setembro, pelas 14h30 no mesmo local.

Esta edição foi organizada pela Sociedade São-Tomense de Matemática da Universidade de São Tomé e Príncipe e do Ministério da Educação, Cultura, Ciência e Comunicação de São Tomé.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More