2,6 Bilhões de Dólares Serão Disponibilizados para Erradicar a Poliomielite em Todo o Globo

0
Tempo de Leituta: 2 minutos

Actualmente, o detectar onde a poliomielite está presente é um dos aspectos mais importante para erradicar a poliomielite em todo o globo. No entanto esta vigilância contínua é complicada e cara, pois 90% das pessoas infectadas pelo vírus dessa doença não apresentam sintomas.

Geralmente as pessoas apresentam sintomas  ligeiros como febre, fadiga e dores de cabeça, porém apenas uma em cada 200 pessoas a doença resulta em paralisia. Logo, para cada criança com sinais de paralisia vão existir ainda muitas outras com poliomielite, mas não apresentam sintomas.

Todavia,  a poliomielite não é a causadora de todos os casos de paralisia, existem outros vírus que despertam nas pessoas sintomas parecidos com o de que tem a poliomielite. São os conhecidos como paralisia flácida aguda, por exemplo a encefalite japonesa, Nilo Ocidental, Guillain-Barré e Zika.

Entretanto para saber se alguém realmente está infectado com o vírus da poliomielite, é necessário os médicos colectarem uma amostra de fezes e enviá-la ao laboratório para testes.

Reunião em Abu Dhabi

A iniciativa global de erradicar a poliomielite em todo o globo tem novo financiamento.
Nesta semana, os líderes mundiais reuniram em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos e prometeram disponibilizar  2,6 bilhões de dólares para o combate da poliomielite até 2023.

Portanto, segundo o director-geral da OMS a iniciativa contribui não só para um mundo sem poliomielite. Mas também ajuda a construir infraestruturas essenciais para outros cuidados de saúde.

Esse financiamento vai poder proteger anualmente cerca de 450 milhões de crianças, porém no total seria necessário 3,2 bilhões de dólares.

Actualmente apenas um tipo selvagem do vírus da poliomielite ainda resistem, as outras duas variantes originais da doença foram eliminados no mês passado. Portanto essa promessa vem num momento crítico para erradicar a poliomielite em todo o globo.

Pois a Nigéria é o único país africano neste momento a cepa selvagem  não foi eliminada. Porém desde 2016 que não são relatados novos casos. Todavia em 2020 o continente africano poderá ser certificado como livre de cepas selvagens da doença.

No entanto, apenas Paquistão e Afeganistão é que circulam esse tipo de cepa. A OMS diz que nas regiões de África e Ásia é que mais surgem surtos de estirpes raras, uma vez que nem todas as crianças são vacinadas.

Considerações Finais

A OMS afirma que apenas com apoio a todos os níveis, que se consegue erradicar a poliomielite em todo o globo. Se forem implementadas todas as estratégias necessárias para vacinar crianças, o sonho de um mundo onde as crianças vivam sem medo da poliomielite tornará real.

O sheikh Mohamed bin Zayed Al Nahyan, do Reino de Abu Dhabi, prometeu 160 milhões de dólares, Estados Unidos supostamente contribuirá com 215 milhões de dólares, a Alemanha 105 milhões e a Nigéria 84 milhões.

Porém parceiros privados como a Fundação Bill & Melinda Gates e Bloomberg Philanthropies também anunciaram suas doações. A Bill & Melinda Gates duou  150 milhões de dólares e o outro parceiro deve destinar 50 milhões.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More